Petição pela não criação de um imposto sobre a produção rural no Estado de Goiás

Sobre a criação de um imposto sobre a produção agropecuária no estado de Goiás

Carta aberta a todas as entidades de classe rurais do
Estado de Goiás

Como brasileiro, produtor rural e pagador de umas das maiores cargas tributárias do nosso planeta venho, por meio desta, demonstrar o meu repúdio para com o Governo do Estado de Goiás e demais Órgãos, Entidades, Líderes e quaisquer pessoas que defendam a criação de mais imposto sobre o produtor rural.

Vivemos um momento único em nosso país de crise, após eleições conturbadas que ainda não estão claras. Crise moral, ética, onde temos medo de nos expressar e tememos retaliações. Momento de medo e incerteza quanto o futuro de nosso país.

Rogo por meio desta que a Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás - FAEG, os sindicatos rurais que a compõem, a Aprosoja Goiás, a Associação Goiana dos Criadores de Zebu - AGCZ, a Sociedade Goiana de Pecuária e Agricultura - SGPA, o Fundo para o Desenvolvimento da Pecuária em Goiás - FUNDEPEC, a
Associação dos Produtores do Vale do Araguaia -
APROVA na pessoa de seus respectivos presidentes e diretores que se posicionem contra qualquer criação de imposto sobre a cadeia produtiva agropecuária.

A conta da incompetência, da má gestão, das decisões erradas, da corrupção, não pode ser paga por nós. Aliás reitero que devemos ser contra a criação ou aumento de qualquer imposto ou taxa, seja para ricos ou pobres, índios ou brancos, produtores ou não. Nós, produtores, trabalhadores, comerciantes, industriais, povo brasileiro não suportamos mais isso.

Que aprimoremos nossa gestão. Que corrijamos nossas falhas. Que adiemos investimentos. Que cortemos custos.Que otimizemos nossos recursos. Que eleiamos
prioridades. Mas não podemos aumentar ou criar novos impostos.

Rogo às entidades de classe que se posicionem de fato ao lado daqueles que todas se comprometeram defender, nós, os produtores rurais. O que vale mais? O livre acesso ao Governo ou estar ao lado de quem tem carregado o estado e a nação. Entidades, tenhamos a consciência que o Governo precisa mais de nós produtores do que nós do Governo. Afinal o que vamos perder? O que efetivamente tem sido feito por nós? Que apoio temos tido para buscar sermos cada dia mais competitivos, para escoarmos melhor nossa produção, para agregar mais valor e tecnologia em nossas propriedades e no que produzimos.

Chega! Que não deixemos nossos egos serem inflados pelo poder econômico e político para nos "comprar apoio
" a uma causa que não é justa. Que se estabeleça então o caminho judicial para com o Governo. Afinal somos nós quem pagamos essa conta.

Em 2015/2016 nos mobilizamos, saímos de nossas casas e propriedades e fomos para Brasília. Destituímos um Governo incompetente e corrupto e apoiamos o atual governador que a época era senador nessa causa.Mudamos a história do nosso País e agora vamos fechar os olhos e deixar acontecer dentro do nosso quintal, da nossa própria casa, os erros que destruíram nosso Brasil? Que vergonha para nós!

Termino com o pensamento da escritora russa Ayn Rand:
"Quando você perceber que, para produzir, precisa obter a autorização de quem não produz nada; quando comprovar que o dinheiro flui para quem negocia não com bens, mas com favores; quando perceber que muitos ficam ricos pelo suborno e por influência, mais que pelo trabalho, e que as leis não nos protegem deles, mas, pelo contrário, são eles que estão protegidos de você; quando perceber que a corrupção recompensada, e a honestidade se converte em auto-sacrifício; então poderá afirmar, sem temor de errar, que sua sociedade está condenada".

Mas ainda tenho esperança, afinal temos um presidente da FAEG produtor rural. Temos um presidente da Aprosoja Goiás produtor rural. Temos um presidente da AGCZ produtor rural. Temos um presidente da SGPA produtor rural. Temos um presidente do FUNDEPEC produtor rural. Temos um presidente da APROVA produtor rural e, finalmente, temos um governador de Goiás produtor rural.

A presente carta é aberta e quem assim desejar e concordar com seu teor pode imprimi-la e assiná-la.

Que Deus nos ajude!

Goiânia, 07 de novembro de 2022
Fábio Costa Machado Carneiro
Faz. Vera Cruz do Água Limpa


PS.: “O rei justo sustém a terra, mas o amigo de impostos a transtorna.”
‭‭Provérbios‬ ‭29‬:‭4‬ ‭ARA


Fábio Costa Machado Carneiro    Contactar o autor da petição

Assine esta Petição

Ao assinar, autorizo que Fábio Costa Machado Carneiro entregue a informação que estou a fornecer neste formulário a quem tem poder nesta questão.


OU

Irá receber um email com uma ligação para confirmar a sua assinatura. Para se assegurar de que recebe os nossos emails, por favor, adicione o info@peticao.online à sua lista de contactos ou à lista de remetentes seguros.

Tenha em atenção que não pode confirmar a sua assinatura respondendo a esta mensagem.




Publicidade Paga

Anunciaremos esta petição a 3000 pessoas.

Saber mais...