Construção de rotatória - Av. José Antunes de Lisboa x Av. da Saudade

  A Prefeitura Municipal de Leme, recentemente, bloqueou o acesso da Av. José Antunes de Lisboa à Av. da Saudade, para quem dirige-se ao centro da cidade, obrigando a uma volta de 1.500 m (ida e volta) até a rotatória no final da Av. da Saudade. A única opção para os residentes no Jardim do Bosque ficou sendo o Trevo do Garapeiro, que resulta em um percurso ainda maior. Ficou muito clara a intenção de transformar a Av. da Saudade numa via expressa para servir exclusivamente os moradores dos condomínios existentes no final daquela avenida, com total prejuízo dos milhares de moradores do Jardim do Bosque, como se estes fossem cidadãos de segunda classe. A solução para o problema é absurdamente óbvia: a construção de uma rotatória na confluência das mencionadas avenidas. A Av. da Saudade é relativamente estreita, porém a Av. José Antunes de Lisboa é bem larga e comporta facilmente uma rotatória no local, a exemplo de outra rotatória existente poucos metros abaixo, que dá acesso ao Jardim Nova Leme. Se a existência de duas rotatórias tão próximas não é aceitável aos nobres que pretendem a Av. da Saudade transformada em via expressa, que se desloque então a rotatória de acesso ao Jardim Nova Leme para a confluência com a Av. José Antunes de Lisboa, a qual atenderia não somente o Jardim Nova Leme como também o Jardim do Bosque.  


Pedro Antonio Zanchetta    Contactar o autor da petição




Facebook