Pelo fim dos bailes funks

Comentários

#1

Eu sou a favor

Natali Silva (São Paulo , 2021-01-04)

#15

Funk é cultura? Sim. Porém, a partir do momento em que as pessoas que gostam começam a desrespeitar os outros com carros super altos, ruas lotadas de pessoas consumindo drogas e fazendo sexo ao ar livre, atrapalhando trabalhadores, crianças e pessoas doentes, isso deixa de ser algo cultural e se torna descumprimento de lei, crime ao meio ambiente, dentre outros crimes que, se eu for citar aqui, passaria mais de hora. Enfim, que ao menos tenham lugar pra isso, como arenas fechadas, sitios ou qulquer lugar onde não atrapalhe a vida de ninguem.

Rafael Lima (Embu das Artes , 2021-01-04)

#22

Porque promove tráfico, mortes , sexo de menores e som que não deixa ninguém dormir

Alee Peres (Campinas , 2021-01-04)

#27

Estou assinando porque, deveria ter um fim nesta falta de respeito a população

Ana Carolina Medeiros (Jundiaí, 2021-01-04)

#30

Ciente

Victor Kauffmann (Osasco, 2021-01-04)

#33

Não aguentamos mais essa pornografia cantada ,essa falta de respeito e bandidagem nas nossas ruas!!!!

Thamy Oliveira (Santo André , 2021-01-04)

#35

Sou totalmente contra!!! Simmmmmm pelo fim do baile funk!!!

Marli Vicente (Santo André ABC São Paulo , 2021-01-04)

#41

Quero o fim disso

Lucas Tejada (Mogi-das-cruzes , 2021-01-04)

#43

Odeio baile

Evanildo Carvalho (São Paulo, 2021-01-04)

#45

Os moradores não merecem esse tormento todo dia.

Thiago Accacio Ferreira (Osasco, 2021-01-04)

#46

Esse tipo de manifestação criminosa e ridícula, compromete todas as concepções morais humanas.

Ivoneide Cruz (Embu das Artes , 2021-01-04)

#48

Por não aguentar mais essa bagunça, nem pra dormir consigo, não descanso para o próximo dia ,hoje mesmo esses ratos já estão com som alto

Ana Kercia Alves (São Paulo, 2021-01-04)

#52

Baile funk prejudica o povo que mora lá.

Ricardo Reis (São Paulo, 2021-01-04)

#56

Eu apoio pois minha sogra passou recentemente por uma cirurgia na cabeça e se encontra acamada está com câncer e mesmo assim no natal e ano novo foi uma bagunça na rua.Era melhor esse tipo de evento ter outros espaços apropriados .

Sirleide Santos (São Paulo , 2021-01-04)

#61

Situação que fomenta delitos e atrapalha a vida de pessoas que moram por perto.

Marlon de Assis Magro (Olímpia, 2021-01-04)

#66

Ainda tenho que falar o porque?

Laura Mel (Barueri, 2021-01-04)

#70

Porquê nós trabalhadores precisamos acordar cedo para sustentar esse país!

Marcelo Feitosa (São Paulo, 2021-01-04)

#72

Fim ao baile funk

Marcela Pechiare (Jundiai, 2021-01-04)

#75

Não e possível que em um país que pagamos tão cara em impostos

Thayanne Oliveira (Mogi das Cruzes-SP, 2021-01-04)

#78

Temos que ter paz

Regina Barboza (Campo limpo Pta, 2021-01-04)

#85

Tem que acabar com.esess bailes funk só tem drogados e bandidos

Alexandre Spina (São Paulo , 2021-01-04)

#87

Não concordo com a bagunça e barulho, atrapalha a vida dos moradores.

Michelle Pereira da Silva (Diadema, 2021-01-04)

#91

Vivo esse incômodo na pele , todos os finais de semana!

ELISETE Alves (São Paulo, 2021-01-04)

#93

Detesto esses eventos, pois perturbam a paz e o sossego.

Sarah Souza (São Paulo , 2021-01-04)

#100

Estou cansado de som alto na minha rua, no meu bairro!

Rafael Eduardo Telles Ribeiro (Campinas, 2021-01-04)

#103

Chega de baixaria e desrespeito

David Silva (Sao paulo, 2021-01-04)

#104

A proibiçao de Baile Fank sou contra acho uma falta de respeito com as crianças idosos e os trabalhadores .

Flavia Braga de oliveira (Sao paulo , 2021-01-04)

#108

Eu quero assinar pois minha vila sofre muito em epocas festivas com fluxos e motos barulhentos que não nos permite sequer entender o outro dentro de casa quanto mais dormir

Ana Lima (Francisco morato , 2021-01-04)

#111

Eu estou assinando, porque não aguento mais tanto barulho apologia ao crime desrespeito aos moradores

Evelyn Vasconcelos (Santo y, 2021-01-04)

#113

Tal baile só atrapalha A vida das pessoas .

Samuel Andrade (São Paulo , 2021-01-04)

#114

Este barulho e incomodo e desrespeitoso com a mulher, vó, mãe, filha, irmã . Se algumas acham normal serem tratadas com desrespeito à maioria não gosta

VANIA ALVES (Embu, 2021-01-04)

#118

Fiz ao baile funk, onde trás encômodo nas áreas urbanas, tirando a paz da sociedade, direito de ir e vir dia moradores e apologia a drogas e prostituição infantil.
Para os que apoiam essa medida, peço que organize nas portas de suas casas com seus filhos.
Quero vê se vc irá apoiar quando ficar noites sem dormir ou sem pode colocar seu carro na garagem de sua casa pq estão fazendo festa na porta de sua casa.

Leonardo Feliciano Lopes (São Paulo, 2021-01-04)

#119

Os moradores já não suportam mais a falta de respeito das pessoas que frequentam esses bailes.

Ruy Sousa Santos (São Paulo , 2021-01-04)

#120

Sou contra baile funk

Lilian Oliveira (Mauá , 2021-01-04)

#122

Quero paz e tranquilidade

Guilherme Romanoff (São Paulo, 2021-01-04)

#132

Não aguentamos mais

Claudia Maria (São Paulo , 2021-01-04)

#134

Odeio baile funk

Michely Silva (Mogi das cruzes, 2021-01-04)

#139

Baile fank, som alto, barulho de moto é total desrespeito.

Cassiana Fabiana (São Paulo, 2021-01-04)

#142

Quero paz

Thamiris Alexandra (Mogi das Cruzes, 2021-01-04)

#146

Precisamos acabar com está bagunça

Eduardo Andrade (São Paulo , 2021-01-04)

#152

Um barulho insuportável, droga e prostituição liberadas, lixo, urina, fezes nas portas dos outros. Total desrespeito

Kadja Dantas de azevedo (Fortaleza, 2021-01-04)

#156

Tem que acabar com essa baixaria, incomodar moradores não é diversão!

Manoel Galdino (Maua, 2021-01-04)

#163

Acho muito justo , pelo fim dos bailes funks em ruas

Diego Bernardo (São Paulo, 2021-01-04)

#167

Não concordo com bailes de rua, onde a apologia ao crime, ao sexo explícito, e as drogas rolam soltas.

Leonardo Toth (São Paulo, 2021-01-04)

#168

Esse tipo de evento atrapalha a sociedade de bem favorece o crime

Quexada Mdc (SUZANO , 2021-01-04)

#171

Dou contra esse tipo de evento que desrespeita a sociedade

Sérgio P. Oliveira (São Paulo , 2021-01-04)

#174

Acredito que podem especificar um local onde esses bailes aconteçam respeitando assim as outras pessoas

Suziane Antunes (SAO BERNARDO DO CAMPO, 2021-01-04)

#177

Eu estou a assinar porque nós da periferia, precisamos de paz, trabalhadores não consegue dormir um dia se quer, devido a essas músicas chulas, se vcs consideram cultura, que ouçam na suas casas, respeitando o direito dos outros.

Arlene Ribeiro (São Paulo sp, 2021-01-04)

#180

Assino pois acho um absurdo o tanto que é prejudicial as pessoas

Neure Franco (São Paulo , 2021-01-04)

#183

Baixaria nas letras e sim alto

Rosana Silva (São Paulo , 2021-01-04)

#186

Porque as pessoas merecem respeito, sem contar em tudo que acontece de ruim nesses bailes.

Juliana Freitas (São Paulo , 2021-01-04)

#189

Por que eu não aguento mais barulho.

Michelle Francis (São Paulo, 2021-01-04)

#190

Porque tô cansada de bagunça falta de respeito pra quem trabalha a quatro da manhã etc

Sabrina de Araújo Borges leal (Francisco morato, 2021-01-04)

#191

Para acabar com a falta de respeito.

Li Di Ka Chris (Osasco, 2021-01-04)

#192

Confirmando minha assinatura, para que acabe essa falta de respeito baile funk

Fabio Viana (São Paulo , 2021-01-04)

#193

Apologia a Prostituição e ao crime

Sandra Cristina Costa Roberto (São Paulo , 2021-01-04)

#194

Moro no flamenguinho em Santo André aqui é um inferno eles fazem o baile de frente do campo do flamenguinho e proíbe nos moradores de entrar ou sair de carro da comunidade. Fim de semana é um inferno ninguém sai ninguém entra e muito barulho muita droga brigas tiros motos fazendo zuada. Sentimos desamparados pois a Polícia passa e não faz nada nada nada quando a Polícia vem ficamos felizes achando q vai resolver mas não eles só passam e não faz nada e a bagunça continua.

Ana Silva (Santo André , 2021-01-04)

#198

Passei por isso durante 1 ano sem dormir e estava grávida. Tive que me mudar porque eles não respeitam ninguém.

Andrea Cerqueira de Lima (São Paulo, 2021-01-04)



Publicidade Paga

Anunciaremos esta petição a 3000 pessoas.

Saber mais...